Renovação arquitetônica


Hotel Barceló Emperatriz, Madrid


Cosmopolita, elegante, contemporâneo, assim é o novo Hotel Barceló Emperatriz. O primeiro cinco estrelas da rede hoteleira na capital espanhola, situado em um edifício histórico do século XIX em pleno bairro de Salamanca.

Um edifício que foi completamente reformado para ser convertido em um Hotel Boutique (com 146 quartos), criado a partir das mais de 1.500 ideias e opiniões de clientes, publicadas nas redes sociais. Para a sua criação além disso, também contou com um grupo de 25 mulheres bem sucedidas, pertencentes a diferentes áreas profissionais do panorama cultural, econômico, político e criativo da sociedade espanhola; com o único propósito de enriquecer o projeto, colocando na mesa de trabalho, as necessidades e os desejos ideais dessas pessoas que refletem aquelas dos futuros hóspedes.

Inspiração de Imperatriz

O arquiteto Juan Manuel Gordillo, juntamente com sua equipe de designers liderada por Ernesto de Ceano, tinha como desafio encontrar inspiração na imperatriz Eugenia de Montijo, como musa do projeto, cuja figura deveria refletir-se em cada um dos quartos deste mítico hotel, que agora faz parte da história de Madrid. Uma mulher que foi uma referência na sua época por ser avançada para seu tempo.

E foi precisamente essa filosofia e esse caráter único que tentamos estampar no novo hotel. Sem esquecer as opiniões das 25 imperatrizes do século XXI, escolhidas para sua cocriação, dando lugar a um hotel de estilo muito feminino. Um ponto de encontro criado por mulheres para mulheres, uma espécie de clube feminino com acomodações de luxo e necessidades comuns.

Design requintado e urbano

Do ponto de vista da decoração do hotel, o elemento-chave residiu no grande sucesso que resultou da escolha de materiais e elementos decorativos, conseguindo esse estilo e glamour urbano esperado por todas as partes envolvidas.

Para Ernesto de Ceano, “a intenção principal do projeto decorativo, foi transmitir uma elegância contemporânea com base nos materiais utilizados, como a madeira, malhas metálicas, revestimentos Neolith; bem como o tratamento de tetos e o uso da luz, para completar com uma seleção muito cuidadosa da mobília”. Todos esses materiais nobres, que foram utilizados tanto nas zonas de descanso, como nas de trânsito elevado.

Outro dos principais desafios do projeto foi “integrar os quartos e criar um Lobby com um desnível de alturas que transmitisse uma imagem de grande qualidade espacial que articulasse os diferentes espaços de recepção, bar e restaurante com fluidez de usos e circulações; criando desta forma o reflexo do Hotel urbano que se almejava”.

Espaçosos luminosos e elegantes

Em conformidade com todas essas premissas, Neolith foi um dos materiais escolhidos para diferentes espaços do hotel, incluindo os banheiros e áreas comuns, tais como as escadas e o salão para o café-de-manhã, “devido ao seu grande formato, que foi vital para o projeto, além da sua fácil manipulação e montagem quando se trata de cumprir os prazos de execução”.

Para dar lugar a “um banheiro em um quarto de 5*, deve primeiramente refletir qualidade, espaço e formalidade. Graças ao uso de Neolith em grande formato conseguimos uma peça que parece esculpida em mármore, porque com este material configuramos cabine de vaso sanitário / chuveiro, área de banheira e pia criando um espaço unificado. Tudo nele é espaçoso e funcional”.

Além do banheiro, Neolith Estatuario foi integrado nas áreas comuns do hotel como nas escadarias, que também parecem estar talhadas no próprio material - como afirma Ernesto de Ceano - bem como no balcão do salão de café-da-manhã que acolhe os seus seletos hóspedes diariamente, sendo aplicado em bancada, painel e estantes.

Por toda esta infinidade de detalhes, design e qualidades dos materiais utilizados, o Hotel Barceló Emperatriz foi reconhecido como um dos melhores Hotéis Boutique pelo prestigioso jornal britânico The Telegraph. E incluído no ano passado pelo jornal também britânico, The Times, na sua lista dos melhores hotéis do mundo inaugurados em 2016.

NEOLITH: Design, Durabilidade, Versatilidade, Sustentabilidade



Projetos relacionados